BUSCAR NO SITE
MEU CARRINHO
0 itens em seu carrinho


Cadastre seu e-mail e receba notícias e novidades da Irrimeq:
Inscrever
Remover meu e-mail
Web site » Notícias » CPR para cafeicultura » Alta das sacas aquece o mercado de café e impulsiona negociações com CPR


Publicada em 17/01 17h30

 De forma prática, pode-se definir o processo das CPRs  da seguinte forma: “Contrato” de entrega futura de café que exige basicamente entrega de quantidade e qualidade pré definidas.

O contrato é triangular e fica firmado entre uma trading, produtor rural e empresa fornecedora de produtos que poderá agregar serviços.

O produtor fecha sua CPR com a trading, recebe o produto da empresa fornecedora, a trading paga a empresa fornecedora e  futuramente em data pré estipulada, o produtor paga a trading com entrega de sua safra (sacas de café pré acordadas, qualidade + quantidade).

As CPRs têm sido utilizadas como forma eficiente de financiamento, á medida em que proporciona dentre outros aspectos, a negociação da safra agrícola sem endividamento integralmente ligado a taxas de juros e a redução dos riscos por conta de sazonalidades.

O momento é oportuno para se trabalhar o sistema de CPR. A saca de café está muito valorizada para se te ruma idéia  as tradings estão pagando cerca de R$ 305,00 por cada saca de café (preço futuro). Este valor viabiliza a compra de inúmeros produtos, principalmente sistemas de irrigação localizada por gotejamento devido ao aumento de produtividade proporcionado.

Veja agora um exemplo prático para uma área de 10h:

- Produtividade média de sequeiro: 25 SACAS/ha.

- Produtividade média  com sistemas:  45 sacas/ha.

- Custo médio de um projeto de irrigação: R$5,000,00/ha.

-R$ 300,00 ( Preço médio da saca futura para trading) x 20 sacas/há (Incremento)  =   R$ 6.000,00.

Ou seja : em um ano o projeto estará pago com o próprio incremento gerado pelo sistema de Irrigação.

Além disso os benefícios para o produtor vão além da viabilidade econômica, veja:

-Safra como moeda de troca: Utilização do café, safra, como moeda de troca.

-Pagamento sem recursos próprio: Pagamento de projetos gerado com o própria incremento gerado pela tecnologia de irrigação.

Geração de boas oportunidades: Aproveitamento das oportunidades  de altas do café, não importando as mudanças do mercado.

-Flexibilidade caso tenha interesse, o produtor pode  quitar financeiramente antes do seu término;

-Juros mais baixos: pode ser efetuada uma operação mista de Finame e CPR. O produtor entra com FINAME E CPR , podendo quitar o financiamento quando for liberado o recurso Finame .

- Processo menos burocrático;

- Maior agilidade no processo quando acompanhado ao Finame, podendo irrigar no prazo estipulado e conveniente para a cultura.

Este é o momento ideal!

Entre em contato com a Irrimeq para saber sobre o sistema CPR!






Deixe o seu comentário

Digite seu nome: *
Seu e-mail: *
Seu telefone: opcional
Sua mensagem: *